De ventre em popa!! Versão brasileira: Ana Gibson & Laura Uplinger

Posted on 06/09/2011

0


hdr3

De ventre em popa

Três dúzias de manobras alegres para os navegantes mãe e neném, pelos mares da gestação

Era de manhã, bem de manhãzinha…

… uma mulher sorria, solene, na janela da cozinha, o olhar a vagar pelos telhados e pelas copas das árvores, enquanto as estrelas davam lugar a um novo dia. Suavemente, levou a mão quentinha ao ventre grávido.

Um cantar profundo,
corajoso e silencioso ecoava no seio dessa mulher.
Começara há tempos imemoriais,
percorrera eras e eventos infindáveis,
transmitidos por incontáveis desdobramentos
até aquele momento,
àquela nova vida que crescia
num calor gostoso no centro de seu corpo.
E ela ficava a sorrir,
saboreando com todo seu ser o pão de uma profunda comunhão
com cada ventre, com cada mãe que já havia existido.

O dia começava
a luz o anunciava
assim como um pássaro
e o neném

Para Sentir mais faça clic neste link:

http://www.wondersofthewomb.com/de-ventre-em-popa.htm